Diversidade no
Trabalho

Introdução

Desde 1990 o CEERT realiza pesquisas e intervenção focalizadas na valorização da diversidade e na superação de todas as formas de discriminação no trabalho, nos serviços públicos e no acesso à Justiça.

Com ênfase na temática racial e de gênero, mas contemplando também outras formas de discriminação, o CEERT acumula larga experiência na produção de conhecimento como também no desenvolvimento de métodos e técnicas apropriados à execução de projetos de inclusão de grupos socialmente desfavorecidos.

O futuro do programa envolve a preparação de instituições públicas e privadas para a implementação de políticas de ação afirmativa.

Consultorias:

  • Instituto ETHOS
  • ITAIPÚ Binacional
  • Banco J. P. Morgan
  • FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos)
  • Caixa Econômica Federal
  • OXFAM do Brasil
  • UNICEF
  • Canal Futura
  • Fundação Roberto Marinho.

De acordo com a necessidade de cada empresa ou instituição, a consultoria do CEERT pode envolver: diagnóstico, plano de ação, capacitação, políticas de recrutamento e instrumentos de monitoramento de programas de diversidade.

O CEERT realizou, em São Paulo, as primeiras discussões entre o poder público, empresas, e os movimentos sociais e sindical na área de diversidade e ações afirmativas no trabalho, gerando diversos grandes eventos, dentre os quais: “Igualdade e Diversidade no Trabalho” (1998) e “Inclusão no Trabalho: desafios e perspectivas” (1999).

A organização possui ainda livros especializados sobre o tema, tais como “Ação Afirmativa e Diversidade no Trabalho” (2000) e “Igualdade e Diversidade no Trabalho” (1998), além de ter seus projetos reconhecidos em diversas outras publicações, a exemplo de “Igualdade de Gênero no Mundo do Trabalho: Projetos Brasileiros que Fazem a Diferença”, da Agência Canadense para o Desenvolvimento Internacional.

No plano da diversidade em empresas, o CEERT vem assessorando a elaboração de diagnósticos (Censo), e em paralelo, subsidiando ações com vistas ao desenho, bem como implantação e monitoramento de programas de valorização e promoção da diversidade, de curto, médio e longo prazos. Ou seja, o CEERT busca estimular e fomentar a criação de uma “cultura de inclusão” nas empresas.

Neste sentido elabora materiais, define metodologias, realiza processos de formação de lideranças e ajuda as instituições a desenharem processos de monitoramento da evolução da diversidade referente a gênero, raça, pessoas com deficiência, orientação sexual, geração, etc.