Emicida versa sobre orgulho negro em livro infantil escrito a partir de música de 2015

Autor: Mauro Ferreira Data da postagem: 12:00 13/09/2018 Visualizacões: 312
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Emicida versa sobre orgulho negro em livro infantil escrito a partir de música de 2015 / Foto: Divulgação - José de Holanda - Reprodução - G1

"...Como o pensar infantil fascina", versou Emicida com admirada doçura na letra de Amoras, rap que compôs com Xuxa Levy e que gravou no segundo álbum, Sobre crianças, quadris, pesadelos e lições de casa(2015), lançado há três anos.

Na letra de Amoras, Emicida versa liricamente sobre beleza e orgulho negros, citando nominalmente personalidades que sobressaíram na luta contra o racismo e contra toda forma de opressão da população negra, como Zumbi dos Palmares (1655 – 1695), Malcom X (1925 – 1965) e Martin Luther King (1929 – 1968).

Capa do livro 'Amoras', de Emicida / Foto: Ilustração de Aldo Fabrini

Por isso mesmo, a letra dessa composição foi o ponto de partida para o cantor e compositor paulistano escrever a narrativa do primeiro livro infantil do rapper, também intitulado Amoras e lançado neste mês de setembro de 2018.

Com ilustrações de Aldo Fabrini, o livro Amoras aborda a importância de a criança se orgulhar de si mesma e de se reconhecer no mundo com a identidade afro-brasileira.

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: